Neste Dia do Trabalho, fiz uma compilação de pérolas que podem contribuir para que nossas relações de trabalho ao menos ganhem aspectos de melhoria.

Esta lista convida que se dê menos importância à aspectos negativos que acompanham práticas (péssimas) que são contumazes no dia-a-dia de muitos: leia aqui alguns antídotos!

Fique à vontade para comentar se você faz algo diferente que impacta positivamente na sua vida profissional e até pessoal.

  • Exalte o trabalho bem-feito do outro.
  • Valorize os profissionais e o que eles merecem de reconhecimento, que vai além da parte financeira.
  • Terceirizando? Tenha em mente que você e o contratado devem desfrutar JUNTOS da falta de vínculo e burocracias. Ganha x ganha é melhor que ganha x nem ganha.
  • Elogiar o trabalho de outras referências positivas para reconhecer mais facilmente o que deve ser feito é tão importante quanto saber o que não fazer.
  • Construa uma rede de profissionais parceiros e amigos através de troca de conhecimento e sim, favores. Isso é normal. Se você espera algo de um profissional esteja disponível para retribuir como puder e quando ele precisar de você.
  • Competir é diferente de trapacear. Saber perder mostra caráter e maturidade. Jogue duro, mas seja leal.
  • Trate todos, em todos os cargos, como você quer ser tratado dentro e fora do ambiente de trabalho.
  • Tenha outros profissionais como exemplo a seguir, mas trilhando o próprio caminho que será completamente diferente do caminho do outro.
  • Se for sua alçada, sirva sem reclamar mesmo que considere quem ordenou aquela demanda como um desafeto.
  • Converse e dê feedback quando necessário. Se posicionar e não ter papas na língua não é o mesmo que ser grosseiro ou tratar as pessoas mal.
  • Cuidar da sua imagem mostra que você pode cuidar dos seus clientes, não sua posição na pirâmide social.
  • IMPORTANTE: trate profissionais mulheres e homens da mesma forma. Ouvir mais e falar menos ajuda a não falar bobagens e demonstra sabedoria.
  • Tente não ser condescendente nem humilhar: eduque, se for o caso e se for possível.
  • Seja receptivo e deixe para ter impressões à medida que a pessoa demonstrar quem é e o que pode fazer com ações. Os únicos profissionais que conseguem julgar acertadamente são aqueles relacionados ao RH.
  • Faça o muro dos acertos e gols de placa profissionais do seu setor.
  • Se você cria pontes e não muros, certamente vai ter muito mais paisagem pra admirar.
  • O bom humor torna o ambiente mais leve pra todos, mas fique atento. O cuidado é seu escudo pra ficar bem longe do assédio.

Não li isso em lugar algum, apenas exprimi algo do bom-senso e fruto de décadas no mundo profissional e como gostaria que caminhássemos para ver mais disso aí em cima e menos do contrário que cito no primeiro parágrafo.

Infelizmente continuamos mantendo o foco excessivo nos erros, nos escândalos e nos achismos e precisamos mudar isso.